A morte não foi capaz

blog-venha-o-teu-reino-2

“Ao ver chorando Maria e os judeus que a acompanhavam, Jesus agitou-se no espírito e perturbou-se.
“Onde o colocaram?”, perguntou ele. “Vem e vê, Senhor”, responderam eles.
Jesus chorou.
Então os judeus disseram: “Vejam como ele o amava!”
Mas alguns deles disseram: “Ele, que abriu os olhos do cego, não poderia ter impedido que este homem morresse?
Jesus, outra vez profundamente comovido, foi até o sepulcro. Era uma gruta com uma pedra colocada à entrada.”

(João 11:33-38).

Essa passagem é mais comum do que podemos imaginar. Com certeza você já foi a um velório, e lá, sempre vamos encontrar alguns tipos de pessoas: os que amavam o que morreu e vão sentir profundamente sua falta, os que vão por  consideração aos parentes, e os que estão apenas para ver o movimento.

E a morte sempre traz ensinamentos a todos daquele ambiente, pois é como se todos passassem a refletir sobre a vida diante da morte, porque todas sabem que algum dia morrerá.

Sempre tem algumas coisas que ajudam essas reflexões: como pessoas que começam a chorar desesperadas, pois não falaram o que tinha pra falar, não pediram perdão e não viveram a vida quando lhes era proposta, e como surto diante da morte, elas não sabem lidar com a dor de não mais existir a possibilidade da vida naquele momento.

Outros sofrem por pensarem que o mesmo teria uma vida pela frente e isso lhe foi  roubado de forma injusta. E tem os que sabem que a saudade e a dor que não explicam vão perdurar por um bom tempo, mas sabem que um dia aquela dor não mais existirá, pois creem que ainda  encontrarão aquela pessoa na eternidade.

Pois bem, voltando à passagem de João, que fala sobre a morte de Lázaro e a reação de Jesus, me surpreendo e ao mesmo tempo fico admirada, pois você já imaginou aquele de quem todos falavam que veio salvar o mundo, que curava e que tem poder sobre a morte e a vida, agora estar a se “perturbar no seu espírito e chorar” ao vê o túmulo de Lázaro?! Isso me impressiona e fico buscando entender o  por quê? Mas não existe explicação para a dor que a morte traz.

Jesus sabia que não fomos criados para morrer. Ele já havia dito:

 “Eu sou a ressurreição e a vida; quem crê em mim, ainda que esteja morto, viverá;
E todo aquele que vive, e crê em mim, nunca morrerá. Crês tu isto?

(João11:25, 26)

 Queridos, acredito que não aceitamos a morte, pois não fomos criados para ela, e Jesus sabia disso. Mas as Escritura nos ensina que “Visto que a morte veio por meio de um só homem, também a ressurreição dos mortos veio de um só homem.” (1 coríntios 15-21). Jesus é este que venceu a morte e nos trouxe a ressurreição.

E sobre a vida e a morte compreendi:

Irmãos, eu lhes declaro que carne e sangue não podem herdar o Reino de Deus, nem o que é perecível pode herdar o imperecível.
Eis que eu lhes digo um mistério: nem todos dormiremos, mas todos seremos transformados,
num momento, num abrir e fechar de olhos, ao som da última trombeta. Pois a trombeta soará, os mortos ressuscitarão incorruptíveis e nós seremos transformados.
Pois é necessário que aquilo que é corruptível se revista de incorruptibilidade, e aquilo que é mortal, se revista de imortalidade.
Quando, porém, o que é corruptível se revestir de incorruptibilidade, e o que é mortal, de imortalidade, então se cumprirá a palavra que está escrita: “A morte foi destruída pela vitória”.
“Onde está, ó morte, a sua vitória? Onde está, ó morte, o seu aguilhão? ”
O aguilhão da morte é o pecado, e a força do pecado é a lei.
Mas graças a Deus, que nos dá a vitória por meio de nosso Senhor Jesus Cristo.
Portanto, meus amados irmãos, mantenham-se firmes, e que nada os abale. Sejam sempre dedicados à obra do Senhor, pois vocês sabem que, no Senhor, o trabalho de vocês não será inútil.”

(1 Coríntios 15:50-58)

As lágrimas de Jesus (lembra do início desse texto?) nem elas conteram-o de vencer a morte.

Que a sua dor não te separe de uma vida eterna com Cristo onde não haverá mais morte.

Por Eduarda Souza

O MAIOR TESOURO

blog-venha-o-teu-reino-1

“Não se preocupem em acumular riquezas aqui na terra, onde a traça e a ferrugem destroem, e onde os ladrões arrombam e roubam. Guardem, sim, tesouros preciosos no céu, onde a traça e a ferrugem não destroem, e onde os ladrões não arrombam nem roubam! Pois onde estiverem as suas riquezas, lá também estará o seu coração.” (Mateus 6: 19-21).

Às vezes vivo dias os quais sinto saudades do céu. Essa saudade é normal, pois lá é nossa morada; estamos aqui de passagem. E quando olho para o que Jesus falou nestes versículos, consigo ver que Ele tinha certeza que muito melhor que ter riquezas, bens e prazeres na terra, nenhum poderia comparar-se ao céu. Ele tem propriedade pra falar sobre isso.

Vivemos dias difíceis. Me parece que a Igreja, que deveria sentir saudades do céu, está cada vez mais longe dele. São teologias que pregam a prosperidade financeira, são  horas e mais horas nos “cultos” destinadas à falar sobre a vida na terra, bem como finanças etc,  mas nada sobre o céu. E isto mostra o quanto a riqueza da Igreja atual está na terra e não céu.

A Igreja precisa voltar a falar do céu; ele é o nosso maior tesouro. 

Deixe de ser ambicioso! Ter o que comer, onde dormir e o que vestir já é prosperidade! 

O céu é de verdade! Você pode não crer muito, mas é real. E o meu desejo é que eu e você tenhamos um desejo enorme de irmos pra lá e levarmos o máximo de pessoas conosco.

Não é pecado ter bens, ser próspero. Jesus nos fez livres, e essa liberdade nos dá o direito de estudarmos, trabalharmos pelos nossos sonhos e objetivos. Entretanto, a diferença é que NOSSOS sonhos são limitados, podem até serem realizados, mas têm prazo de validade. O céu não; o céu é eterno!

Hoje eu te convido a experimentar o céu. Te convido conhecer o céu através da Bíblia. Deseje o céu. Guarde tesouros preciosos lá.

“Tua presença é tudo, tua presença é tudo; tua presença é o CÉU PRA MIM! “

Deus te abençoe!

Por Geison Flávio.

 

CARÊNCIA

Carência
1. falta de algo necessário; privação.
2. necessidade afetiva.
(Fonte: Google)

Acredito que 10 em cada 10 pessoas são carentes em alguma área da sua vida!

Podemos derivar a carência em duas nuances, quais sejam: você pode senti-la em um determinando momento, muitas vezes improvável, ou este sentimento pode ser algo constante em sua vida,  como a carência de atenção do seu cônjuge, pais, irmãos ou até dos filhos.

Sentir carência é diferente de ser carente. Isso é uma constatação.

Há milhares de pessoas no mundo que são carentes no sentido de pobreza social, há outros bilhões de “serumaninhos” que são carentes de atenção e afeto, ou seja, pobres de amor, e há aqueles que a sentem mas não lhe dão o poder de domínio.

E eu quero te dizer que estar carente em determinada área da sua vida não te faz menor, nem fraco, só deflagra a sua condição humana mesmo, pois a palavra diz que a nossa carne é fraca e de fato é.

Não existem super homens imbatíveis ou imunes a qualquer sentimento de baixa estima, mas podemos amadurecer compreendendo que é um momento e que este vai passar como qualquer outro.

A questão é: como lidar com esse momento? como controlar os nossos impulsos quando estamos assim?

A resposta mais óbvia é que não existe fórmula secreta, mas cada um precisa se conhecer melhor e identificar os seus pontos fracos e os fortes, assim, será menos desastroso passar por determinadas fases.

No meu caso, muitas vezes eu consigo identificar determinado sintoma oriundo da carência que muitas vezes é oriunda dos hormônios mesmo, e com certeza passa, então eu procuro não me punir todas as vezes que estou assim. Digo punir porque a gente não costuma admitir fraqueza nem pra nós mesmos, e nos cobramos uma autoimunidade emocional que é impossível.

O problema é quando a pessoa não sabe lidar com essa fase e procura inúmeras formas de supri-la, isso é um PERIGO, pois vemos muitos desastres emocionais, sociais e familiares por conta da carência. E esse assunto é bem complexo e extensivo que eu vou deixar pro um próximo post.

Por enquanto a dica que eu te dou é: “diga o fraco: Eu sou forte” (Joel 3.10), pois a sua força não vem de si mesmo mas do Senhor.

Não dê a carência domínio algum. Você pode estar mas não é carente! Porque o Senhor supre todas as suas necessidades, identifique seus momentos baixos e aprenda a lidar com suas emoções, combata a sua mente e vença a si mesmo.

Assim, a única forma de se fortalecer é no Senhor: “Por isso digo: vivam pelo Espírito, e de modo nenhum satisfarão os desejos da carne. Pois a carne deseja o que é contrário ao Espírito; e o Espírito, o que é contrário à carne. Eles estão em conflito um com o outro, de modo que vocês não fazem o que desejam”. Gálatas 5:16,17

Eu oro para que o Senhor te dê plena capacidade de ser mais forte que a sua carência!

Em nome de Jesus.

Fica na paz!

Por Lela Santos

 

 

LIVRE

 

livre

Todo ser humano busca ser livre em algum momento em sua vida, quer seja na vida financeira, emocional, familiar, em relacionamentos etc…

Você com certeza em algum momento disse: “Estou cansado(a)! Quero ser livre!”

Este desejo de liberdade existe em nós porque quando Deus nos criou éramos livres, mas com a queda do homem no jardim nos tornamos presos pelo pecado e perdemos a liberdade que tínhamos no Senhor.

Desde então o homem busca ser livre. Muitos procuram em trabalhos exaustivos, na religião, em vícios…

Mas a palavra de Deus nos garante que “E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará” (João 8:32). Essa verdade é Jesus!

Se você quiser, de fato, alcançar o que o seu coração anseia, te convido a conhecer esse Jesus – o libertador da humanidade e do jugo da escravidão eterna do pecado. Por meio dEle somos livres e recebemos vida nova e abundante, pois “Foi para a liberdade que Cristo nos libertou!” (Gálatas 5.1ª).

Desejo que ao você ler este texto, o Espirito Santo tenha liberdade para tocar o teu coração e você tenha o pleno conhecimento sobre Jesus. E quando o convidar a ser Senhor da sua vida, encontrará o que busca, pois…

“Onde está o Espírito do Senhor aí há liberdade.” (2 Coríntios 3.17b).

Fica na paz e seja livre!

Por Eduarda Souza.

Voltando à Palavra!

 

voltando-a-palavra

“Toda a escritura nos foi dada por inspiração de Deus e é útil para nos ensinar o que é verdadeiro e para nos fazer compreender o que está errado em nossas vidas; ela nos endireita e nos ajuda a fazer o que é correto. Ela é o meio que Deus utiliza para nos tornar bem preparados em todos os pontos, perfeitamente habilitados para toda boa obra”. (2 Timóteo 3:16,17).

Confesso que não espero nenhuma grande audiência neste texto. E não, não estou sendo pessimista.

Quando li estes versículos acima fiquei “assustado” e reflexivo quanto à importância da  palavra de Deus, chamada “Bíblia”.

Hoje em dia, a bíblia passou a ser um acessório de fé para muitos cristãos. É como um complemento. E eu não sei se isso te incomoda, mas se amamos Jesus e sua palavra, deveríamos sim nos incomodar.

A palavra de Deus é o nosso alicerce. Nós não vimos Jesus sendo crucificado e ressuscitado, mas é a Bíblia que nos revela isto através do Espírito Santo. É na bíblia que temos as respostas para todas as áreas da nossa vida.

A Bíblia agora é banalizada nas igrejas.

Quantas vezes vamos para o ensaio do nosso ministério e oramos no início e no final, mas não paramos em nenhum momento para lermos um versículo da bíblia! Isso é triste!

Eu não canto, não toco, mas se você é do louvor da sua igreja, não cante músicas bonitas, cante a Palavra de Deus. Certa vez li uma frase que dizia assim: “Não importa o quanto a música é bonita, ela precisa ser bíblica”. Analise bem o que o você vai cantar. O culto é para Deus, não para alimentar o ego do homem. Se há alguém que tem sair “bem” no culto, é Jesus.

Quer profetizar? Profetize pela PALAVRA! Você pode ordenar, profetizar até ficar rouco, mas se não estiver de acordo com a Palavra e não estiver na vontade de Deus, nada vai acontecer. E não culpe Deus por isso, pois Ele já deixou algo muito precioso para nós que é a sua Palavra.

Eu poderia citar vários exemplos na Bíblia sobre a sua própria importância.

Como não lembrar de Jesus? Em Mateus 4, O Rei, o Senhor, ao ser tentado pelo diabo, o venceu pela Palavra.

Se Jesus usou a Palavra para vencer um desafio que estava proposto para si, por quê você ainda acha que vencerá seus desafios profetizando feito um louco? Ao invés de orar e orar a Palavra você ainda fica cantando canções que elevam o seu ego para  sentir-se a pessoa mais preciosa da face da terra.

Igrejas espalhadas por aí! Olhem só… nada, absolutamente nada pode substituir a PALAVRA DE DEUS! Se usamos outros meios para atrair as pessoas para vir à igreja, há algo muito errado. A única coisa que o homem precisa ser atraído é pela Palavra de Deus! Então quer fazer teatro? Encene a Palavra! Quer dançar? Dance a Palavra! Quer cantar? Cante a palavra!

Volte! Volte à Palavra! Jovens, voltem à Palavra! Mulheres, voltem à Palavra! Pastores, voltem à Palavra! Homens, voltem à Palavra! Líderes, voltem à Palavra!

Lembre-se: Existem milhares de pessoas morrendo por causa da Bíblia e você fica aí se achando porque ler um versículo por dia na bíblia do celular.

Deus te abençoe!

Por Geison Flávio.

 

 

 

 

Vende-se Tempo!

 

tempo_

No livro de Lucas, Jesus conta uma história bastante interessante:

Havia um homem rico que se vestia de púrpura e de linho fino e vivia no luxo todos os dias. Diante do seu portão fora deixado um mendigo chamado Lázaro, coberto de chagas; este ansiava comer o que caía da mesa do rico. Em vez disso, os cães vinham lamber as suas feridas. Chegou o dia em que o mendigo morreu, e os anjos o levaram para junto de Abraão. O rico também morreu e foi sepultado.

No Hades, onde estava sendo atormentado, ele olhou para cima e viu Abraão de longe, com Lázaro ao seu lado. Então, chamou-o: ‘Pai Abraão, tem misericórdia de mim e manda que Lázaro molhe a ponta do dedo na água e refresque a minha língua, porque estou sofrendo muito neste fogo’.

Mas Abraão respondeu: ‘Filho, lembre-se de que durante a sua vida você recebeu coisas boas, enquanto que Lázaro recebeu coisas más. Agora, porém, ele está sendo consolado aqui e você está em sofrimento. E além disso, entre vocês e nós há um grande abismo, de forma que os que desejam passar do nosso lado para o seu, ou do seu lado para o nosso, não conseguem’.

Lucas 16:19-27

Jesus é um grande orador, e na simplicidade Ele atraia multidões, pois, construía seus discursos com  linguagens que o povo entenderia, para isso, as famosas parábolas são até hoje os exemplos práticos de tudo aquilo que Ele ensina.

Trazendo para os dias de hoje, a parábola em tese retrata uma vida passageira, na qual há dois grupos de pessoas: aquelas que se apegam apenas as coisas materiais e aquelas que buscam a Deus.

Não é errado buscar coisas materiais, pelo contrário, a palavra de Deus diz que teremos vida em abundância, mas o externo nunca pode sobressair ao interno, ou seja, a maior riqueza se pode ter está dentro de nós e não fora.

O rico tinha tudo mas na eternidade tornou-se mendigo, já o mendigo não tinha nada mas na eternidade teve tudo, e quando o rico olha pro alto percebe o quanto perdeu tempo, pois já era tarde demais e nada poderia fazer para mudar sua condição eterna.

É triste não é?

Talvez você esteja na situação do homem rico, cheio de luxo nas redes sociais, púrpura e linho fino por fora mas um mendigo por dentro. Talvez você seja bem sucedido profissionalmente, ou acabou de entrar pra faculdade, está cheio de amigos ou de compromissos; muitos ministérios ou convites, mas a sua alma está pobre porque está distante de Deus.

É por isso que o título desse texto chama-se “Vende-se Tempo” porque cada milésimo de segundo vale muito mais do que imaginamos, e nós o estamos perdendo. Precisamos olhar pro alto hoje, e não esperar pra fazer o que tem que ser feito apenas quando não der mais tempo.

Nessa vida passageira, nada se eterniza, cada momento passa, seja alegre ou triste, seja tragédia ou bonança.

Tempo acaba. Tempo se vai. Tempo voa. Tempo não se compra de volta.

Só não acha Deus quem não o busca. Nós complicamos o caminho mas Deus não vê nada entre você e Ele, somente a cruz.

Ônus ou bônus, você é hoje o resultado das suas escolhas. E se você está lendo esse texto, eu quero te dizer que há agora uma oportunidade diante de você.

A palavra está lançada! O que você está esperando? Um milagre ou uma tragédia pra ficha cair?

Não perca mais tempo! A gente deixa pra depois o que pode ser agora, então comunique amor a quem você precisa comunicar amor. Demonstre a relevância que as pessoas tem na sua vida e busque a Deus enquanto se pode achá-lo.

Eu oro para que o Senhor mude o seu destino hoje!

Fica na paz!

Por Lela Santos

Life

Neste final de semana que passou,  tive a oportunidade de participar da conferência Life, que tratava sobre a vida e como tratar a depressão. Foi um trabalho muito incrível da equipe,  diria  que quebrou protocolos da religiosidade de muitos, pois .eles disponibilizaram atendimentos com psicólogos à pessoas que estão passando por situações de “risco” e precisam de ajuda.

Estamos em uma época onde a vida parece ser insuportável.  As pessoas tem mais medo de viver do que propriamente morrer. Infelizmente muitas vidas estão sendo acometidas da depressão e estão sendo ceifadas pela dor de não saber lidar com a sua própria existência; se sentem roubas de si mesmas e muitas seguem pela vereda do suicídio.

Mas a bíblia nos mostra uma linda verdade!  Jesus disse: “Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida.” (João 16:6a).

 

blog-venha-o-teu-reino

O suicídio não é a ultima opção.  A primeira e última escolha pode ser pela vida de Cristo. Ele é a vida que precisamos e a verdade que orienta o caminho que devemos trilhar.

Acredito que todos os seres humanos precisam de ajuda, então se for preciso, busque ajuda de profissionais. Não é errado e nem fraqueza, como muitos pensam, é ser nobre consigo mesmo.

E se você é já é Cristão, está lendo esse texto e tem passado por situações complicadas, procure ajuda de profissionais e orientação de seus lideres. E creia no Senhor, não permita que a religiosidade te mate aos poucos.

A vida que essa geração procura já foi consumada na cruz em Cristo Jesus e está disponível. Ele  disse: (…)  “eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância.” (João 10:10b).

Cristo quer te fazer sentir prazer de existir e te dar uma nova vida, apenas o convide a fazer parte da sua história.

Que a vida de Cristo alcance essa geração através da sua vida, pois Ele nos ama.

Por Eduarda Souza.